Água Hotels Mondim de Basto

agua-hotels-mondim-bastoLocalizado no Monte da Paradela em Mondim de Basto, a poucos quilómetros do centro, o Água Hotels Mondim de Basto proporcionou-nos momentos muito relaxantes com umas deslumbrantes vistas de montanha!

As fotos espetaculares do hotel e principalmente da paisagem, que fomos encontrando na internet, serviram de aliciante para uma escapadela de fim-de-semana por aqueles lados.

O HOTEL

O Água Hotels Mondim de Basto é um hotel de 4 estrelas que está situado numa zona rural lindíssima e extremamente sossegada.

Tem 44 quartos todos eles equipados com ar-condicionado e janelas e varandas amplas para melhor desfrutarmos daquelas vistas fantásticas.

Para além dos quartos do hotel, existe ainda a possibilidade de se alojar num dos Espigueiros ou numa das Casas de Montanha (mais informações no Booking e no site do hotel).

A NOSSA EXPERIÊNCIA

Estivemos neste hotel num fim-de-semana de março, mais propriamente do dia 11 para o dia 12 de março de 2016 e com o clima a nosso favor e ideal para… espairecer! 🙂

O GPS levou-nos sem qualquer dificuldade até ao hotel. A certa altura, já no centro de Mondim de Basto, o GPS tornou-se desnecessário, já que começaram a surgir logo ali placas com indicações para o hotel.agua-hotels-mondim-basto-placa

Estacionamos no parque de estacionamento do hotel que fica no exterior do mesmo. O estacionamento é gratuito e, pelo menos no dia em que chegamos, não faltavam lugares livres!

Logo à chegada, o que mais se vai destacando é sem dúvida a zona verdejante em que este hotel está envolvido e claro, as vistas fantásticas para o rio Tâmega!

Chegamos à receção poucos minutos após a hora de check-in, foi-nos entregue a chave do quarto (cartão), dadas todas as informações relativas ao funcionamento do SPA, e como optamos por jantar no hotel, aproveitamos para deixar a reserva feita para essa noite.

A decoração no interior do hotel é simples, nada fora do vulgar ou de “espetacular”. O design exterior do hotel, esse sim, achamos bastante moderno e agradável!

Mas mesmo dentro do hotel se vê o valor que é dado à paisagem que dali se avista: as amplas janelas existentes em várias zonas do hotel e o enorme terraço permitem ir deslumbrando aquelas vistas tão relaxantes!

EXTERIOR E ÁREAS COMUNS DO HOTEL

A zona envolvente do Água Hotels Mondim de Basto é lindíssima. Assim que pousamos as malas no quarto que nos foi atribuído, fomos de imediato explorar as áreas comuns do hotel e passear pelas redondezas. Eis algumas fotos que fomos tirando enquanto “explorávamos”:

Fizemos também um pequeno vídeo com as vistas magníficas deste hotel. São apenas 57 segundos de vídeo, mas já dá para ficar com uma ideia! 😉

O QUARTO

Da receção até ao quarto ainda fui pensando “espero que não nos calhe duas camas de solteiro como alguns hotéis têm a mania de pôr”… Azar! Calhou-nos mesmo duas camas de solteiro como alguns hotéis têm a mania de pôr! 🙁

O quarto é amplo e de decoração muito simples. A TV podia ser maior, mas também é algo que normalmente desvalorizamos.

Na casa de banho notou-se alguma falta de manutenção, principalmente nos móveis que apresentavam algum desgaste e riscos. De resto, nada a apontar, já que estava tudo muito asseado e o essencial estava lá.

Gostamos do miminho dos biscoitos e da garrafa de água de oferta no quarto. São pequenos gestos que são sempre bem-vindos.

Mas o que soube mesmo muito bem foi ir à varanda do quarto apreciar aquela paisagem lindíssima e respirar o ar puro! Principalmente de manhã ao acordar… 🙂

Quanto ao WiFi, o sinal era bastante forte no quarto e a internet bem rápida. Tirei até um print do speedtest para partilhar aqui.agua-hotels-mondim-basto-wifi

O SPA

Nada de espetacular aqui, mas também começo a achar que estamos a ficar mal habituados. Se este fosse o primeiro SPA que visitássemos, talvez o achássemos impecável!

Está equipado com o essencial: piscina interior aquecida, sauna, banho turco e jacuzzi. Mas mais uma vez, aqui também se notou alguma necessidade de manutenção, nomeadamente no interior da sauna.

Outro ponto menos positivo, foi o facto de não ser respeitada a hora a partir da qual não são permitidas crianças no SPA. Supostamente, a partir das 18h estava-lhes interdita a entrada, mas já passavam das 19h e continuavam a entrar crianças para a piscina interior. É claro que isso não nos impediu de forma alguma de usufruir do SPA e até nem somos muito “esquisitos” nesse sentido (afinal, também tenho 2 filhotes), mas o que é certo é que um SPA com crianças a correr e a brincar… deixa de ser um local de relax e descontração! Reparamos até, que dois casais se sentiram incomodados e nem 1 minuto ficaram no SPA.

Algo que também estranhei, foi não se ouvir a típica musiquinha de SPA! De resto, a temperatura da água da piscina interior é agradável, assim como a do jacuzzi.

Concluindo, o SPA deste hotel até é agradável, mas não foi daqueles que nos deixa boquiabertos e a saltar de alegria assim que entramos, como aconteceu por exemplo no Hotel Minho em Vila Nova de Cerveira ou no Melia Braga Hotel & Spa.

Ao lado do SPA existe um pequeno ginásio. Nós não o experimentamos, mas vimos alguns hóspedes lá e aparentou-nos ter boas condições para quem dele quiser usufruir.

PISCINA EXTERIOR

A piscina exterior é bastante apelativa e convida a um mergulho e a lá ficar a relaxar e a contemplar as vistas de montanha. Mas como fomos no inverno, não pudemos usufruir da piscina (somente das vistas).

O PERCURSO PEDESTRE

Junto ao hotel existe um percurso pedestre com o trilho muito bem assinalado. Fizemos todo esse percurso quase sempre com vista para o rio Tâmega. O topo do Monte Farinha também pode ser avistado dali (e pelo que vimos, de quase todo o lado em Mondim de Basto).

É uma caminhada muito relaxante e que fizemos em menos de uma hora. Até se podia fazer em muito menos tempo se não parássemos tantas vezes para apreciar as vistas e tirar umas 500 selfies com o rio Tâmega como pano de fundo! 😛

O JANTAR

À hora marcada aparecemos no restaurante do hotel e fomos encaminhados para a mesa que nos estava destinada.

Pelo menos no dia em que fomos não existia a opção de jantar buffet (pela qual normalmente dou preferência). Assim, optamos pela sugestão do chef que estava afixada no balcão da receção.

Estava tudo ótimo! Desde a entrada até à sobremesa. 🙂

Para entrada optamos os dois pela Alheira à Transmontana e para prato principal ficamos pelo Roti de Perú com Molho de Cogumelos, Arroz de Ervilhas e Açafrão, e por uma Posta à Cortador com Batata Sauté. Para sobremesa foi-nos sugerida a Triologia de Sobremesas.

O PEQUENO-ALMOÇO

O pequeno-almoço não é servido no mesmo restaurante onde jantamos, mas sim num piso superior. Se bem que o acesso ao mesmo é feito por umas escadas logo à entrada do restaurante.

É um pequeno-almoço tipo buffet variado e de boa qualidade. Gostamos de tudo, mas temos noção que já encontramos melhor noutros hotéis.

Mas algo que dá ainda mais sabor a este pequeno-almoço, são sem dúvida as vistas! Da mesa onde tomamos o pequeno-almoço dava para ver o rio Tâmega.agua-hotels-mondim-basto-pequeno-almoco (9)

BAR

O “Bar Fisgas” está aberto de domingo a segunda-feira entre as 11h00 e as 19h30 e das 22h00 à meia-noite. Como ficamos neste hotel de sexta-feira para sábado, não o apanhamos aberto, mas de qualquer forma aqui ficam as fotos desse bar que até nos pareceu muito acolhedor.

OS ARREDORES

Sem dúvida que há muito que ver por aqueles lados, mas dentro do tempo que tínhamos disponível para passear, optamos por subir o Monte Farinha até ao Santuário de Nossa Senhora da Graça, visitamos o Parque Urbano de Mondim de Basto e a Praia Fluvial de Fermil em Celorico de Basto, e ainda deu para contemplar as fantásticas vistas do Miradouro das Fisgas de Ermelo.

Monte Farinhamonte-farinha (2)

Fizemos a subida de carro até ao Alto da Senhora da Graça (a quase 1000 metros de altitude) sem nenhuma dificuldade, já que a estrada está toda alcatroada e em bom estado. Pelo caminho fomos deslumbrando de umas vistas magníficas que convidam a encostar o carro para tirar fotos.

Mesmo ao lado da Igreja está a Casa das Estampas com artigos religiosos e recordações. Não comprei nada, até porque o que mais me fascinou foram mesmo as vistas. Só tenho pena de não ter levado uma máquina fotográfica que conseguisse captar toda aquela beleza paisagística (todas as fotos foram tiradas com o telemóvel).

Também filmamos esta magnífica paisagem! 🙂

Parque Urbano de Mondim de Basto

Não queríamos sair de Mondim de Basto sem conhecer o centro deste concelho. Assim, entre outros locais, demos um agradável passeio pelo parque urbano.

O Monte Farinha parece ser mesmo o pano de fundo desta belíssima vila, dali do parque consegue-se avistar essa imponente montanha!

O Parque Urbano de Mondim de Basto tem um jardim com lago, parque infantil e polidesportivo, restaurante e um  monumento em homenagem aos mortos da Grande Guerra.

Praia Fluvial de Fermil em Celorico de Basto

Por aqueles lados existem diversas praias fluviais, pelo menos assim me indicou o GPS. Não sei se a Praia Fluvial de Fermil será a melhor das redondezas, mas o que é certo é que adoramos a beleza paisagística e só tivemos pena de ainda não ser Verão para darmos lá umas braçadas! 🙂

Miradouro das Fisgas de Ermelofisgas-de-ermelo

Já não era a primeira vez que visitávamos este miradouro, sendo que da última vez que lá havíamos estado também nos banhamos nas famosas lagoas de águas cristalinas.

A paisagem é de tirar o fôlego, e mais uma vez, acho que nem fotos nem vídeos conseguem transmitir toda a beleza paisagística. Ou seja, se ainda não conhece as Fisgas de Ermelo, quase que diria que é obrigatório passar por lá! 😀

Fique também com um pequeno vídeo que fizemos a mostrar as fantásticas vistas deste miradouro.

PELO CAMINHO…

Guiados pela voz do GPS entre os pontos de interesse que tínhamos pesquisado, íamos também deslumbrando e fotografando paisagens rurais lindíssimas.

RESTAURANTE “O TRANSMONTANO”

Outro local de destaque que tivemos oportunidade de visitar, foi o Restaurante “O Transmontano” situado na Av. da Igreja em Mondim de Basto. Almoçamos por lá e adoramos tudo: a localização, o atendimento, o bacalhau à transmontano e a mousse gelada caseira.

CONCLUSÃO

O sossego e as vistas de montanha fantásticas, tornam o Água Hotels Mondim de Basto num lugar ideal para relaxar, respirar ar puro e passar bons momentos a dois! 🙂

Foi uma experiência bastante agradável e um “recarregar de baterias” perfeito!

Adoramos o hotel, mas sem dúvida que a localização privilegiada é o que mais se destaca e mais valorizam este empreendimento hoteleiro.

Se pretende visitar Mondim de Basto, recomendamos-lhe sem hesitar o Água Hotels Mondim de Basto!

Comentários

comentários

3 Responses

  1. Carla diz:

    Também estive duas noites nesse hotel e adorei! Curiosamente também visitei a nossa senhora da graça e as fisgas e o centro de mondim. É tudo espectacular e estou com muita vontade de lá voltar no verão.

  2. Olá!
    Para quem estiver a pensar visitar este Hotel e a região de Basto, sugiro uma visita à Quinta de Santa Cristina (https://www.facebook.com/quintadesantacristina/?fref=ts). Situa-se em Celorico de Basto, a 10km deste hotel 🙂 Disponibilizamos diversas atividades, como visitas às vinhas e adega, com prova de vinhos e produtos regionais, piqueniques ou até atividades mais radicais como passeios de Segway pelas vinhas 🙂 Consulte-nos para informações e marcações (obrigatórias) em enoturismo@garantiadasquintas.com ou +351 912 527 396. Esperamos por si!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *